Dia “D” de vacinação contra poliomielite e tríplice viral acontece em Cacimbas

 
                               
 

                A campanha de vacinação que tem por objetivo imunizar crianças com idades de variadas dos 6 meses até cinco anos, contra ocorrências de poliomielite, conhecida como paralisia infantil, a tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola), teve início no último sábado (08) na cidade de Cacimbas, interior do estado e vai até o dia 22 deste mês.

                No dia “D” foram vacinadas aproximadamente 160 crianças e ao decorrer da semana, a Unidade de Saúde Maria Nazaré da Cunha, juntamente com as equipes, estarão disposição para realizar outros procedimentos, bem como, vacinando quem se enquadram na faixa etária e que ainda não foram imunizadas, o responsável deve ir até os postos de apoio mais próximos de segunda a sexta, a partir das 8h00 da manhã até às 12h00 e das 13h30 às 16h00 e ter em mãos o cartão de vacina da criança.

                De acordo com as vacinadoras do município, Suzana de Fátima e Suerina Almeida, as crianças das comunidades rurais, estão sendo visitadas em dias marcados para receber as doses das vacinas, onde na ocasião, as mães atualizam as cadernetas de vacinação dos seus filhos.  Como a região do Distrito de São Sebastião abriga grande quantidade de crianças nesta faixa etária, haverá mais um dia “D”, na próxima sexta feira (14) na Unidade de Saúde Maria das Neves.

                A meta a ser atingida em Cacimbas é de 95%, o que chega à casa de 800 crianças, Suerina, destacou a participação das famílias no combate a essas doenças: “A nossa população está atendendo o chamado, a partir do momento que estamos vacinando, estamos garantindo a saúde de nossas crianças e se precavendo para que não tenhamos nenhum caso dessas doenças, sempre tivemos sucesso nas nossas campanhas e com essa não será diferente”, disse.

                Este ano o município está disponibilizando a DTPa para as gestantes que devem receber uma dose na 36ª semana de gravidez, o objetivo da aplicação é repassar determinada cota de anticorpos da mãe para o bebê, o que o protege contra a Difteria, Coqueluche e Tétano. “Assim, podemos proteger não apenas a gestante, como ainda o feto, garantindo menos riscos de disseminação dessas doenças”, afirmou Suerina.

                Mais informações na Secretaria Municipal de Saúde ou com as coordenadoras, técnicas de enfermagens, sua Agente Comunitária de Saúde. Prefeitura Municipal de Cacimbas, com um novo tempo, garantindo a imunização das crianças. SECOM/PMC.

:::PM Cacimbas:::
 
 

Prefeitura Municipal de Cacimbas
Rua São José 35 - Centro - CEP 58.698-000 Fone: 83 3476-1137
Atendimento ao Público
(Segunda a Sexta das 08:00 as 12:00 e das 14:00 as 17:00)